Filho de Juliana Paes se assustou com a aparência da mãe em Gabriela

catarina 23/04/2012 0
Filho de Juliana Paes se assustou com a aparência da mãe em Gabriela

Com um visual completamente diferente, Juliana Paes contou em entrevista ao jornal ‘O Estado de S. Paulo’, deste domingo, 22, que Pedro, seu filho com o empresário Carlos Batista, se assustou recentemente com sua aparência.

Para viver a personagem ‘Gabriela’, de Jorge Amado, a atriz está com a pele mais escura, cabelos armados, sobrancelhas por fazer, dentes amarelos e unhas dos pés e mão encardidas.

Pedro, que foi visitar a mamãe em Canavieiras, na Bahia, lugar onde estão acontecendo as gravações da próxima minissérie da Globo, ficou assustado ao ver a atriz caracterizada. “Sou muito vaidosa, mas só quando estou de Juliana. Não faço a linha cool, de ator que diz que não está nem aí. Gosto de tendência de moda, sim. Isso não me torna fútil. Também sei curtir um bom livro. Mas para a personagem, não tenho vaidade.”

A atriz também falou como se preparou fisicamente par o papel. “Não emagreci na balança, mas enxuguei medidas. Troquei gordura por músculo. Desde dezembro, sabia que começaríamos a gravar no fim de março. Então, deixei crescer a sobrancelha e passei a treinar TRX, princípio parecido com pilates, em que se usa a força do corpo para se pendurar. Tudo para ficar com a silhueta enxuta e forte, que acho que tem a ver com essa sertaneja, essa mulher que não tem uma magreza esquálida, mas uma magreza de quem pega peso, anda pra caramba. Também tomei muito sol. Meu cabelo já estava comprido e passo longe de manicure há meses”, comenta.

Pela primeira vez Juliana falou sobre as críticas que enfrentou por ter sido escolhida para o papel: “Um amigo meu falou bem: mexer com a Gabriela é igual mexer com Nossa Senhora. É mexer com o xodozinho das pessoas. Eu não fico remoendo muito isso. Na época até fiquei. Até perguntei para a direção: ‘O que tá acontecendo? Isso aí tá vindo da onde?’ E eles disseram que sempre me quiseram para o papel”.

Deixe o seu comentário. Nós iremos adorar! »